AgroValor Publicidade
Artes e Diversão

Da redação

O diretor comercial da Fazenda Libanus e da Associação Comercial do Ceará, empresário Rodrigo Bitar, participou da reunião mensal do Conselho Estadual de Turismo no Ceará – Cetur – realizada na tarde do dia 12 de agosto do corrente (quarta-feira), no Complexo e Comissões Técnicas da Assembleia Legislativa do Ceará. Na oportunidade, Bitar mostrou aos presentes, detalhes sobre o primeiro concurso de mixologia do Brasil utilizando a cachaça. É o Concurso Mistura Perfeita, em Fortaleza, que terá 4 fases de classificação, entre agosto e dezembro do corrente.

Entre outros, o Cetur tem representantes do Governo do Estado e Prefeitura de Fortaleza, de Associações municipais de turismo, Sindicatos do setor hoteleiro, Federação da Indústria do Ceará, Federação do Comércio, Agentes de Viagens e jornalistas que atuam nessa área. Durante o evento, o Secretário de Turismo de Fortaleza, Elpídio Nogueira, apresentou os números do setor na capital cearense relativos a 2015.

Segundo o Secretário, de janeiro a julho desse ano, Fortaleza recebeu mais de um milhão e meio de turistas. E segundo ele, o setor “só tem crescido”, mostrando percentual pequeno (3%), porém animadores, considerando os problemas econômicos atuais. Nogueira alerta que o Brasil, apesar das suas “imensas” ofertas naturais, esse mercado é quase insignificante em relação a outros países, por exemplo, Singapura, na Ásia.

Gastronomia
Entre os presentes, foi consenso de que uma das maiores atrações cearenses é a sua gastronomia. Indagado pelo empresário Rodrigo Bitar sobre incremento de polos gastronômico na capital, a exemplo do polo gastronômico do bairro Varjota, que reúne bares e restaurantes que atraem turistas nacionais e internacionais, o Secretário adiantou que a Prefeitura de Fortaleza está com projeto para implantar dois polos desses no Centro de Fortaleza.

O Secretário afirmou que uma das nossas maiores atrações, além das praias, é a culinária: “As pessoas já vêm para cá para apreciar a lagosta, o camarão, a tapioca, o baião de dois, buchada e o sarabulho”, destacou o Secretário. Para ele, o Ceará já consolidou o seu mercado no setor de turismo de lazer, e agora o “esforço” é para transformar Fortaleza em um grande centro de turismo de negócios.

Ao Agrovalor, o Secretário falou sobre os diversos projetos dentro das atividades de reabilitação turísticas no centro história da capital, e confirmou a decisão do Prefeito Roberto Cláudio de implantar os dois polos gastronômicos no Centro. Segundo o Secretário, a rede hoteleira de Fortaleza obteve taxa de ocupação de 75,5% na alta estação de julho do corrente, com mais de 360 mil turistas, e uma receita de R$ 1,2 bilhão. O gasto médio por pessoa durante a estadia no Ceará é de R$ 2 mil. “Podemos obter esses resultados o ano inteiro”, concluiu.
 

comments powered by Disqus
 
INSTAGRAM
Rua Pinho Pessoa, 755, Fortaleza/CE
CEP 60.135-170
Central de Relacionamento
AgroValor (85) 3270.7650
Copyright © 2006-2014
WSete Design