AgroValor Publicidade
Esportes

A delegação brasileira de hipismo nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro estará representada por quatro irmãos na prova de adestramento. Luiza, Thaísa, Manuel e Pedro Tavares de Almeida foram confirmados na convocação da CBH (Confederação Brasileira de Hipismo) e o quarteto brigará por medalhas em território nacional.

Luiza Tavares de Almeida e Pedro Tavares de Almeida são titulares na equipe do hipismo, enquanto Manuel Tavares de Almeida Neto é o reserva imediato e fica à disposição, assim como Thaísa Tavares de Almeida, convocada como segunda reserva no time. O Brasil lutará para melhorar sua colocação em Olimpíadas anteriores concorrendo com grandes expoentes do esporte, como Inglaterra, Alemanha, Holanda e Estados Unidos.

A convocação dos irmãos coroa a dedicação do Rocas do Vouga Dressage Team, como é chamada a equipe particular de hipismo da qual participam no dia a dia. Em janeiro deste ano, todos fizeram as malas de volta à Alemanha, onde já treinaram anteriormente, para obtenção dos tão sonhados índices olímpicos.

A intensa rotina de treinamentos dos irmãos Tavares de Almeida inclui, além do aprimoramento técnico, a disputa em provas internacionais - que são as CDIs - entre os melhores praticantes da modalidade. Antes da convocação para os Jogos Olímpicos, os irmãos realizaram, apenas neste ano de 2016, de 11 edições de CDIs em países como Áustria, Alemanha, Espanha, França, Eslovênia e República Tcheca.

Experiência de família e amor aos cavalos
O gosto pelo hipismo começou no berço para o quartero de irmãos que, desde muito pequenos, conviveram com os animais criados pelo avô materno e pelos pais, Thereza e Manuel, numa fazenda, em Itu. A mãe de todos participava de provas de salto. Nos dias de hoje, 20 anos depois, Luiza, Thaísa, Manuel e Pedro representam o Brasil no principal evento esportivo do mundo. 

Luiza, a mais experiente do grupo e representante do exército brasileiro, apesar de ter apenas 24 anos, está indo para sua terceira Olimpíada. Ela estreou em Pequim 2008 aos 16 anos de idade e entrou para o Guinness Book, o Livro dos Recordes, como a mais jovem atleta do hipismo olímpico de todos os tempos. A amazona monta o garanhão puro sangue lusitano Vendaval.

Pedro e Manuel são gêmes, 22 anos, e ambos disputam sua primeira Olimpíada, após diversos títulos que já conquistaram na carreira. Pedro monta um garanhão criado por seu pai, Xaparro do Vouga, enquanto Manuel já fez parte da equipe brasileira nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, em 2011, com o mesmo cavalo com o qual foi convocado, Viheste AR.  

Completando o time familiar do hipismo e mais velha entre os quatro, Thaísa, de 26 anos, retorna ao esporte após sete anos dedicando-se a outros trabalhos. Com sua participação, pela primeira vez na história o Brasil tem quatro irmãos competindo em uma equioe olímpica. Thaísa monta o puro sangue lusitano Aóleo.

Foto: Divulgação
Fonte: iG Olimpiadas - iG @ 
http://esporte.ig.com.br/olimpiadas/2016-08-03/hipismo-irmaos-rio-2016.html

comments powered by Disqus
 
INSTAGRAM
Rua Pinho Pessoa, 755, Fortaleza/CE
CEP 60.135-170
Central de Relacionamento
AgroValor (85) 3270.7650
Copyright © 2006-2014
WSete Design