AgroValor Publicidade
Esportes

O brasileiro Ruy Fonseca caiu da montaria Tom Bombadill Too durante a prova final por equipes de saltos, no Centro Olímpico de Hipismo em Deodoro. O cavalo refugou em um dos obstáculos, provocando a queda do cavaleiro. Ruy Fonseca abandonou o percurso, e com isso deu adeus às chances de medalha na prova individual. Mas para a disputa por equipes, a queda não terá influência. A nota dele será descartada na somatória do desempenho dos brasileiros.

Os 25 melhores cavaleiros no geral das três modalidades equestres (adestramento, saltos e cross country) vão para a grande final, que está marcada para as 14 horas desta terça-feira. Nesta manhã, estão sendo decididas as medalhas por equipes no concurso completo de equitação (CCE) com chances para o Brasil. Austrália, Nova Zelândia e França começaram o dia nas três primeiras posições.

Apesar da queda, Ruy Fonseca está bem e prefere não lamentar.

- Estávamos saltando bem, não sei se algo chamou a atenção dele [do cavalo]. Foi muito rápido. Infelizmente a gente não pode medir força com os cavalos. Algo pode ter tirado a atenção dele. Depois, ele quis dar um oi para a torcida brasileira [risos]. Não sou muito de ficar magoado.

Fonte: Globo Esporte
Foto: Friso Gentsch/EFE


 

comments powered by Disqus
 
INSTAGRAM
Rua Pinho Pessoa, 755, Fortaleza/CE
CEP 60.135-170
Central de Relacionamento
AgroValor (85) 3270.7650
Copyright © 2006-2014
WSete Design