AgroValor Publicidade
Haras de valor

O cavalo Crioulo vem conquistando espaço e títulos na modalidade de rédeas. O desempenho dos exemplares da raça estão chamando a atenção nos últimos anos nas pistas do Brasil e do Mundo. Os últimos feitos foram realizados em uma das principais disputas inter-raças do país, em competições organizadas pela Associação Nacional do Cavalo de Rédeas (ANCR) no início de março.

Nas provas, realizadas em Avaré (SP), o cavalo Apache da Pátria Crioula venceu na categoria Aberta Níveis 3 e 4 do ANCR Derby 2016. Já o exemplar Alma de Gato Cala Bassa foi campeão da 3ª Copa Cardinal Ranch, também na Aberta Níveis 3 e 4. Ambos tiveram a condução do cavaleiro Roberto Jou. "Foi uma prova especial. São dois cavalos que tenho um carinho muito grande por eles. Ter conquistado este título com o cavalo Crioulo foi uma alegria muito grande", salienta.

De acordo com o coordenador da subcomissão de Rédeas da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Antonio Correa, há cada vez mais adeptos à utilização do cavalo Crioulo nas rédeas, especialmente pela competitividade que os animais da raça vem mostrando nas pistas pelo país. "O crescimento do cavalo Crioulo nas rédeas é bastante significativo. Com a criação do Rédeas de Ouro, o cavalo Crioulo vem se firmando cada vez mais no mercado nacional com um número de participantes muito grande e que estão mostrando um alto nível de competitividade", observa.

Os dois exemplares já colecionam resultados positivos nas rédeas. Alma de Gato Cala Bassa, de Sílvio Ricker, surpreendeu os Estados Unidos em 2012, terminando na quinta colocação no NRHA Futurity, realizado em Oklahoma. Já Apache da Pátria Crioula, de Rafael Xavier, foi campeão do Potro do Futuro ANCR (na categoria Aberta Nível 3), da divisão Pré-Futurity Amador do Derby e no Super Stakes (na categoria Amador Nível 4 e Nível 3) no ano de 2015.

As últimas duas edições dos Jogos Equestres Mundiais também tiveram a participação da raça Crioula na equipe de Rédeas. Em 2010, nos Estados Unidos, SJ Rodopio e Nipas do Infinito, montados respectivamente por Wellington Teixeira e Jango Salgado, fizeram parte da delegação Brasileira. SJ Rodopio repetiu a dose e se classificou também para a edição de 2014, na França.

Neste ano, a quarta edição do Rédeas de Ouro ocorrerá de 19 a 25 de setembro no Haras Raphaela, em Porto Feliz (SP). O evento oferecerá R$ 150 mil em prêmios e é considerada a maior premiação da modalidade no país. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas pelo site www.abccc.com.br.

Foto: Fagner Almeida/ABCCC/Divulgação
 

comments powered by Disqus
 
INSTAGRAM
Rua Pinho Pessoa, 755, Fortaleza/CE
CEP 60.135-170
Central de Relacionamento
AgroValor (85) 3270.7650
Copyright © 2006-2014
WSete Design