AgroValor Publicidade
Polí­tica

A ministra Kátia Abreu, negou que as mudanças que estão sendo feitas no Ministério da Agricultura (Mapa) tenham motivação política, em função do rompimento da aliança entre o PMDB e o PT no governo federal. Via Twitter, ela informou que o próprio Mapa propôs a redução de pessoal ao Ministério do Planejamento.

“Foi noticiado equivocadamente que o Governo fez um grande corte de pessoal no Mapa por questões políticas. Não é verdade! O Mapa propôs cortes”, escreveu.

 

Em uma série de postagens sobre o assunto, feita no último fim de semana, Kátia disse 52% dos convênios e contratos feitos pelo Ministério, gerando, segundo ela, uma economia de R$ 183 milhões. O montante, acrescentou, foi transferido para atividades como defesa agropecuária.

Ela destacou ainda que o antigo Ministério da Pesca, que foi integrado à Agricultura, tinha 1.150 servidores entre cargos comissionados, terceirizados e de carreira. De acordo com Kátia Abreu, 40% dos servidores foram cortados em função da integração das duas pastas.

PMDB
Ainda na última semana, foi noticiada a saída de diretores da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Também deve deixar o Ministério Caio Rocha, que chefiava a secretaria do Produtor Rural e Cooperativismo.Na semana passada, por causa do rompimento com o governo federal, o PMDB orientou todos os seus filiados a deixarem os cargos que ocupam na administração Dilma Rousseff. A decisão atingiria em tese a própria ministra, mas ela disse que não deixará o cargo nem a legenda.

Reforma
Em um comunicado divulgado no site oficial, o Ministério da Agricultura deu mais detalhes a respeito de sua “reforma administrativa”. Segundo a pasta, foram cortados 220 cargos comissionados. As secretarias do Produtor Rural e de Mobilidade Social foram fundidas na Secretaria de Pesca e Aquicultura.

“Em três meses, antes mesmo da publicação do decreto presidencial (8701, publicado na última sexta-feira, que aprova a nova estrutura do Mapa), o Mapa reduziu em 41% a força de trabalho daquela pasta, gerando economia de R$ 6,286 milhões”, informa o comunicado.

Globo Rural Online
Foto: Divulgação


 

comments powered by Disqus
 
INSTAGRAM
Rua Pinho Pessoa, 755, Fortaleza/CE
CEP 60.135-170
Central de Relacionamento
AgroValor (85) 3270.7650
Copyright © 2006-2014
WSete Design